Cartão De Crédito

O que é o Cartão De Crédito? é uma das formas mais populares e utilizadas em todo o mundo para pagar eletronicamente é o Cartão De Crédito.

O cartão é feito de plástico, e que integra um chip, e tem na parte de trás um espaço para o portador desse cartão assinar, a tarja magnética, que é geralmente de cor preta, e ainda, o número de segurança (CVV2). Na parte da frente, tem o nome do titular do Cartão De Crédito, a data da validade, e ainda, o número de cartão. Apesar de haver imensos Cartões De Crédito, de variadas entidades bancárias, a estrutura de qualquer Cartão De Crédito é sempre igual. Assim padronizado, é mais fácil ser aceite em qualquer ponto do planeta. A única coisa que pode se alterar é o aspeto, onde se utilizam imagens da entidade bancária que o emite. As especificações para os Cartões De Crédito estão definidas em ISO 7810.
Como se usa o cartão de crédito
Pode-se utilizar o Cartão De Crédito de várias formas. Assim, tanto poderá utilizá-lo para comprar um produto em lojas, pagar serviços, ou ainda, para pagar através da Internet. No final de cada mês, o titular da conta desse cartão receberá uma fatura, onde terá descriminado todos os montantes pagos através do cartão. Depois, poderá escolher várias formas para pagar esses valores. Assim, tanto pode decidir pagar o montante total no final do mês, como apenas pagar parte desse valor, ou ainda, pagar mais tarde, pagando juros sobre o valor em dívida.
Quais são os limites da utilização do cartão de crédito
A utilização do Cartão De Crédito está limitada até um determinado montante. Quem define esse limite é a entidade bancária que emitiu esse cartão, e normalmente é definido consoante os rendimentos do titular. Dessa forma, sempre que utilizar o cartão, esse valor é descontado do seu saldo, e quando alcançar zero, deixará de poder usar mais esse cartão durante esse mês. Mesmo que tente, o sistema não deixará. Depois de pagar o valor em dívida, o seu saldo voltará ao definido para cada mês.
Quais as vantagens do cartão de crédito
De seguida enumeramos as principais vantagens do uso do Cartão De Crédito.
Não precisa de ter dinheiro real ou cheques não quiser fazer compras;
Consoante o cartão, poderá estar isenta do pagamento da sua anuidade;
Tem mais tempo para pagar uma determinada compra.

Já foi o tempo em que fazer um Cartão De Crédito era sinônimo de status. Hoje em dia fazer um Cartão De Crédito é quase um motivo para gerar desconfiança na praça.

Óbvio que não podemos generalizar, mas muitos que possuem Cartão De Crédito estão endividados e só fazem uso do pomposo do Cartão, por exemplo, não porque é para chamar atenção, mas sim porque não há outra opção, afinal ter um Cartão De Crédito Com a Bandeira Visa ou Mastercard nos dias atuais é algo muito comum e praticamente “necessário”.
Estatistificas Sobre Cartões de Crédito
Apesar disso tudo, os pedidos para fazer Cartão De Débito ou Crédito vem crescendo cada vez mais e, estima-se que continuará a crescer, em média, 17% até o ano de 2022.

Outras fontes afirmam que para os Cartão De Débitos o crescimento será em torno de 15%, enquanto que para a opção de fazer um Cartão De Crédito será de 14% ao ano. Isto significa que as pessoas estão optando pelo Cartão De Débito ao invés de mandarem fazer o De Crédito por aí, mesmo porque fazer um De Crédito é como colecionar figurinhas, só vai somar com outro Cartões que você já tem…

Sabendo que ter um Cartão Visa ou Mastercard é algo acessível a todos, pode-se compreender o porquê das classes C, D e E já possuírem 60% do uso de Cartões De Crédito no país.

E a explicação de se mandar fazer um Cartão De Crédito à revelia é o crescimento das compras efetuadas no comércio eletrônico, bem como a crescente abertura para as pequenas e médias empresas.

Pegando carona nessa história de comércio eletrônico, é bom salientar que, paralelo aos pedidos para fazer Cartões De Crédito, há também uma migração para as compras, utilizando dispositivos móveis (smartphones e tablets) que chegaram a 4,8% em dezembro de 2013, ante 2,5% em janeiro do mesmo ano.
Assim, fazer um Cartão De Crédito logo se tornará algo defasado, pois ao invés de fazer o Cartão, o consumidor irá preferir utilizar seu celular para efetuar um pagamento.

Até isso se tornar algo concreto, muitos ainda vão fazer algum Cartão e isto pode ser comprovado por meio de outro estudo (Data Folha), no qual é apontado um gasto médio com cartão no Brasil em torno de 14,5% em 2014 e 16,5% em 2017, onde a participação das mulheres acabou ultrapassando a dos homens no mesmo período.

São pouco mais de 94 milhões de Cartões De Crédito nas mãos das consumidoras, mas, apesar desse número, muitas delas afirmaram à mesma pesquisa que procuram sempre poupar dinheiro e utilizar a facilidade de crédito de acúmulo de pontos em programas de fidelidade para efetuarem suas compras com mais comodidade, sem precisar ultrapassar o limite do cartão.

Muitas delas foram categóricas em afirmar isso, ou seja, que poupam para se sentirem seguras no futuro e para poderem fazer compras à vista, com a consciência mais tranquila.

Assim, podemos entender que hoje, quando o assunto é fazer um Cartão De Crédito no Brasil, as mulheres, por sua vez, estão lá, na crista da onda… Uma onda resultante de um mercado que obriga a todos nós acreditar que ter ou precisar fazer um Cartão De Crédito é tão importante quanto respirar.